Afinal, quanto custa morar em Toronto?

Esta é uma das perguntas que mais recebo, seja através do Blog ou de grupos que participo com temas relacionados a Toronto.
Antes da mudança realizamos uma projeção mensal, que foi se ajustanto durante este nosso primeiro mês aqui. Assim como todos os nossos posts, é com base em nossa experiência e válido apenas para Toronto.

Não estamos, aqui, falando de estudantes que podem morar em quartos ou residências estundantis, e sim de um casal que, assim como nós, pretende se estabelecer e viver bem em terras geladas.

Dividimos em três categorias, que serão detalhadas a seguir.

1. Econômico:

Alguns gastos certamente podem ser reduzidos no começo, seja porque ainda não conseguiram um emprego ou porque o emprego que conseguiram não é o ideal/definitivo. Alguns outros, como metropass por exemplo, são fixos e não passíveis a redução.

  • Aluguel: Para um casal, que pretende alugar um local inteiro, CAD 1,100 é um número bem econômico, acreditem. Aqui estamos falando de um apartamento de 1 dormitório ou mesmo um studio, com 1 banheiro. É possível encontrar algo mais em conta? Sim, você consegue. Mas terá provavelmente que lidar com locais que podem ser bem sujos e/ou super velhos. Também é possível encontrar Basements por este preço ou até um pouco menos, mas é necessário adaptar-se ao fato de não ter janelas e teto baixo (para mim, uma sensação de claustrofobia constante).

  • Supermercado: Considerando almoço e jantar em casa (mesmo que você trabalhe ou estude, as pessoas aqui levam marmita, é super comum). O No Frills é sem dúvida a opção mais barata para compras. Mas se você quiser economizar mesmo a sugestão é pegar os flyers e coupons dos supermercados e comprar as opções mais baratas em cada um deles. É mais trabalhoso, mas mais econômico.

  • Metropass: CAD 141.50 por pessoa. Você consegue uma redução no preço se aplicar para o Metropass Discount Plan, que requer um compromisso de compra mensal por 12 meses. Na minha opinão para recém chegados que ainda estão estabelecendo a nova vida é complicado ter qualquer compromisso deste tipo.

  • Celular: A operadora mais barata que há por aqui é a Wind. É possível conseguir um plano para o casal com quantidade considerável de dados por CAD 80,00 por mês. A questão aqui é a qualidade do sinal. Conhecemos pessoas que utilizam e dizem que funciona bem dentro da GTA, porém tivemos amigos que compraram este plano e em menos de 48 horas mudaram de operadora pois o sinal era péssimo. Ou seja, se o orçamento está apertado no começo acredito que valha a pena testar, uma vez que não há fidelização e você pode mudar a qualquer momento sem pagar qualquer tipo de multas (viva o Canadá!).

  • Internet: As duas maiores provedoras de internet para residências são a Bell e a Rogers. Ambas possuem diversos planos disponíveis e em todos você consegue uma tarifa diferenciada nos 3 primeiros meses para depois pagar a tarifa cheia. Vocês conseguem ver o comparativo de preços dos planos para Rogers e Bell, apenas clicar nos nomes. Para nossa planilha de custos aqui, considerei uma média do preço cheio dos planos mais baratos.

  • Hydro: Nada mais é do que a conta de luz. Em alguns aluguéis a Hydro já está incluída. Não vejo como diminuir muito, apenas utilizando nos horários que são mais baratos (após 8 da noite, antes das 8 da manhã e finais de semana, informação dada pelo telefone pela atendente da Toronto Hydro). Mais informações podem ser encontradas no site deles, aqui

  • Seguro saúde: Também considero um custo fixo até que se tenha direito ao plano de saúde público do Canadá, o OHIP. Você consegue fechar por mês o seguro, e é importante pegar referências e ter em mente o valor da cobertura. Considerei para composição dos nossos custos aqui CAD 200,00 por casal por mês. Aqui no site da GTA você consegue fazer cotações online. Por mais apertado que o orçamento esteja, é importantíssimo ter este seguro viagem, pois caso aconteça algum imprevisto os gastos podem ser infinitamente maiores.

  • Passeios, restaurantes, roupas e afins: Bom, se estamos falando de um perfil totalmente econômico, esses itens não devem entrar na conta. Isso é possível, sim, mas para isso mude-se para cá durante a primavera ou verão, para não precisar gastar com roupas de inverno no início. Nestas duas estações Toronto também oferece diversas opções de lazer gratuitas, como festivais, parques, etc.

2. Moderado:

Passado o primeiro, ou primeiros meses de adaptação, acredito que a maioria dos casais que venham baseados em um bom planejamento se enquadrem nesta categoria. Quando um dos cônjuges começa a trabalhar é possível relaxar um pouco e aproveitar ainda mais esta cidade incrível.

  • Aluguel: Com o valor de CAD 1,600 você consegue encontrar apartamentos já de 2 dormitórios ou então 1 + DEN. A maioria deles em Condos, com uma boa estrutura. A localização aqui impacta diretamente no preço: se estiverem dispostos a sair um pouco de downtown é possível alugar apartamentos maiores e mais confortáveis pelo mesmo preço de 1 dormitório no centro. É uma questão de perfil e escolhas.

  • Supermercados: Com este valor, CAD 600, é possível já realizar as compras em mercados como Metro e Sobeys, que são bem superiores na qualidade e opções do que o No Frills. Também consideramos um modo menos econômico de comprar, ou seja, comprando carnes de mais qualidades, verduras e frutas que preferir.

  • Metropass: Sem alteração, CAD 283 por mês.

  • Celular: Aqui já é possível escolher uma operadora melhor com um bom plano de dados. As melhores experiências de amigos e nossa foram com a Telus e Fido.

  • Internet: Apenas alterando o plano de dados, que dará maior velocidade e qualidade no dia a dia, mantendo a empresa fornecedora já mencionada anteriormente. Os planos podem ser encontrados nos links já mencionados.

  • Hydro: Considerando apenas uma pequena alteração, maior utilização.

  • Seguro saúde: Mantém o mesmo que mencionado anteriormente.

  • Passeios, roupas e afins, restaurantes: Aqui já estamos falando de sair para jantar/almoçar fora, comprar bebidas alcoólicas, fazer passeios pagos, comprar uma roupa ou outra de vez em quando. Não é um custo fixo, mas com um orçamento moderado já pode ser previsto. Aqui também entraria um eventual aluguel de um carro, uma viagem econômica em um final de semana ou feriado.

3. Esbanjador

Ainda não conheci ninguém que é recém chegado e que viva, digamos, nestes padrões. Mas é possível, sim, gastar mais e ter uma vida com bem menos restrições. Também acredito que aqui seja possível incluir custos com carro como seguro e gasolina, porém não inclui para fins de comparação.

  • Aluguel: Com CAD 2,000 por mês você escolhe onde quer morar. Lembre-se que estamos falando de um apartamento para um casal. Mas com este valor é possível escolher um apartamento de 2 quartos praticamente em qualquer lugar.

  • Supermercado: Incluiria aqui apenas CAD 100 por mês para algumas carnes premium ou coisas do tipo, que são encontradas em casas de carnes ou boutiques gourmets específicas, por exemplo. Porém manteria as compras semanais nos mercados já mencionados acima, que são excelentes.

  • Metropass: Sem alteração, CAD 283 por mês.

  • Celular, Internet e Hydro: Nestes três itens não mexeria, por acreditar que os serviços previstos no perfil moderado não precisam de upgrade.

  • Seguro Saúde: Também não alteraria porém é possível contratar um plano de saúde superior se desejado.

  • Passeios, roupas e afins, restaurantes: Aqui acho que seria a maior diferença. Claro que para estes 3 itens o céu é o limite. Porém acredito que com essa quantia prevista, total de CAD 1,200 é possível fazer muita coisa. Seja uma viagem mais longa, comprar roupas que deseja ou mesmo sair para jantar fora toda semana.

Apenas lembrando que é uma estimativa de custos mensais e não prevê os custos iniciais como mobília de casa e afins.

Não incluimos na previsão TV a cabo, porém são os mesmos provedores de internet.

Caso tenham cachorros ou gatos, podem incluir de CAD 60 - 100 por mês para custos com ração, ossinhos, petiscos...considerando banho em casa.

Espero que tenha ajudado. Mais uma vez repito aqui no blog, o mais importante de tudo é o planejamento, para que não seja pego de surpresa.

Gostou do Post? Compartilhe, comente :)

Boa semana!